5 dicas para reduzir custos com a manutenção da sua frota


A manutenção dos veículos de transporte ainda é encarada por alguns gestores como despesas — ou prejuízo — para a empresa e dificilmente é vista como um custo necessário para o bom andamento das operações. No entanto, quando bem planejada, ela pode ser um meio de reduzir os custos e ainda manter a frota adequada para atender os processos de distribuição. Por isso, no post de hoje vamos oferecer algumas dicas para reduzir custos com a manutenção de sua frota. Quer saber mais? Confira agora mesmo:

Planejamento da manutenção

O primeiro passo para reduzir custos e evitar gastos excessivos é planejar as manutenções que precisam ser realizadas. Dessa forma, a empresa consegue obter maior previsibilidade de quando esses custos ocorrerão e conseguem se planejar quanto a essas saídas.

Além disso, com as manutenções planejadas e executadas periodicamente, é possível identificar possíveis problemas que resultariam em um custo inesperado e acima do que estava previsto.

Criação e gestão de indicadores

Um gestor só é capaz de controlar aquilo que ele mede. Portanto, para que as melhorias sejam implementadas e os custos sejam reduzidos, é necessário criar e acompanhar indicadores que apresentem um quadro geral das informações referentes às manutenções.

Assim, é possível identificar de onde surgem os maiores gastos e adotar medidas que possam ajudar no desenvolvimento do processo e na redução dos custos.

Treinamento de equipe

Para que as melhorias sejam de fato implementadas e os custos sejam mesmo reduzidos, é necessário investir em treinamento e conscientização da equipe com relação à utilização correta dos veículos.

Os motoristas devem saber que questões como: a velocidade do veículo e calibragem dos pneus influenciam diretamente no custo com combustível. Bem como é necessário saber o momento certo para realizar a troca de óleo.

Gestão de peças e acessórios

Reduzir custos não se resume a cortar gastos. Muitas vezes, a empresa opta por reduzir determinado custo, mas essa ação pode custar mais caro futuramente. Um grande exemplo disso é o caso de empresas que optam por economizar comprando peças com um valor mais baixo, mas que precisam ser trocadas com maior frequência do que aquela peça que possui um valor um pouco mais elevado.

Além disso, é preciso saber realizar um controle da demanda das peças — o que é possível quando é feito o planejamento das manutenções — para que seja evitada a compra de peças em excesso, que não serão utilizadas.

Planejamento de rotas

Planejar as rotas adequadamente contribui para que os veículos percorram trajetos menores ou então que evitem determinados caminhos – como por exemplo, estradas de terra. A preocupação com o planejamento de rotas eficaz ajuda a otimizar a operação e fazer com que os veículos necessitem de manutenção com um prazo maior do que quando as rotas são planejadas aleatoriamente – fazendo com que, em muitos casos, os motoristas percorram trajetos maiores do que o necessário.

A manutenção da frota é um processo que deve ser levado a sério e realizado periodicamente. Pois, devido à falta de planejamento, muitas empresas ainda sofrem com a perda de produtividade de veículos que ficam parados por tempo demasiado aguardando o reparo. Mas, apesar de a manutenção ser necessária, é possível encontrar oportunidades de redução de custos nessa área.

Agora utilize os comentários para nos contar sobre o planejamento da manutenção em sua empresa. Como ele é feito? Existe previsão ou os serviços são feitos sob demanda? Não deixe de compartilhar suas experiências conosco!

RockContent
About me

YOU MIGHT ALSO LIKE

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.