Gestão de transportadoras: 5 dicas para o planejamento de 2016


Toda vez que um ano novo se inicia, o momento é de reflexão para avaliar os prós e os contras do ano que passou e de planejar o novo período, buscando sempre melhores resultados. Para que um planejamento estratégico seja bem-sucedido e garanta resultados aprimorados, é importante levar em consideração diversos fatores. No artigo de hoje vamos oferecer algumas dicas de planejamento que contribuem com o sucesso na gestão de transportadoras. Quer saber mais? Então confira nossas dicas:

1. Reduza custos

A redução de custos é muito importante para que a empresa consiga praticar preços competitivos e se manter no mercado. Além disso, muitas vezes, ela promove melhoria na execução das tarefas. No que diz respeito à gestão de transportadoras, esse tópico ganha ainda mais relevância, visto que os custos logísticos são responsáveis por uma das maiores fatias dos gastos totais das empresas.

2. Alinhe as estratégias aos objetivos

A cada elaboração de planejamento estratégico anual, os gestores estabelecem novos objetivos e estratégias de atuação. Contudo, é preciso tomar o cuidado de avaliar se as estratégias condizem com as metas, e se elas de fato contribuem para o alcance dos objetivos. Sem esse alinhamento, dificilmente as empresas conseguem o resultado esperado.

3. Aprenda com os erros

Ao fazer a análise de 2015, é possível saber quais foram os erros cometidos e o que levou a eles. Saiba quais foram as más decisões, o tempo que elas levaram para ser tomadas, os investimentos realizados, as negociações e todos os outros fatores que levaram a algum prejuízo ou contribuíram para o não cumprimento dos objetivos. Utilize-os como conhecimento para que não sejam repetidos em 2016.

4. Otimize os processos

O aprimoramento dos processos e operações ajudam a garantir melhores resultados para as empresas. É através dele que é possível identificar falhas, aumentar a produtividade, reduzir desperdícios e custos, entre outras coisas. Portanto, comece a mapear os processos mais problemáticos e busque por melhorias que podem ser implementadas e que garantirão bons resultados.

5. Avalie investimentos

Grande parte dos gestores nem considera a realização de investimentos em épocas de crise. Contudo, em alguns casos — principalmente se tratando de investimentos em tecnologia da informação — essa pode ser a melhor alternativa para garantir mais segurança na realização das atividades, obter ganhos em produtividade e reduzir os custos operacionais.

Um bom exemplo disso é a utilização da do Minhas Rotas, que agora é integrado com o TruckPad. Enquanto o Minhas Rotas proporciona a elaboração de rotas otimizadas — que permitem reduzir custos — o TruckPad é um aplicativo para caminhoneiros que possui uma base imensa e atualizada destes profissionais e de ofertas de cargas.

Dessa forma, é possível contratar transporte para carregar suas cargas que não couberam em outros veículos — evitando atrasos — e também disponibilizar veículos para fazer o transporte, evitando que sua frota rode vazia e ainda conseguindo uma renda extra.

São muitos os desafios que a gestão de transportadoras enfrenta para conseguir alcançar os resultados esperados. Contudo, através do planejamento e das decisões acertadas, é possível não só garantir a sobrevivência da empresa, como também, encontrar soluções que tragam redução de custos, aprimoramento de resultados e maior vantagem competitiva.

Gostou do nosso artigo de hoje sobre gestão de transportadoras? Continue nos acompanhando e fique por dentro das melhores dias e novidades do setor!

admin
About me

Deixe um comentário:

Seu email não será publicado.